Mundo

Após apanhar do namorado e tentar tirar sua vida, jovem abre o coração e conta como superou o relacionamento abusivo

A jovem continua seu relato:“Acreditava nas promessas e arrependimentos do agressor. Acreditava realmente que eu seria burra se não o perdoasse. Eu iria perder um cara carinhoso que cuidava de mim e que me dizia: VOCÊ É A MULHER DA MINHA VIDA. Como pude entrar num círculo tão vicioso? Infelizmente entramos. E entramos de cabeça!”. Nane ainda explica, de forma simples, como funciona a mente de uma vítima de abuso íntimo. Segundo ela, é comum que o agressor tenha diversas explosões sem causa e, depois, culpe a mulher e peça desculpas por todas as ações, com promessas de que aquilo jamais vai acontecer novamente. Relata.

PUBLICIDADE

Nane confessa que: “O agressor te faz sentir pena dele por ser descontrolado, antes que você sequer tenha tempo de sentir algo por si mesma”. Ao se expor e abrir seu coração a jovem não apenas lamenta, mas a principal intenção, é que seu relato encoraje outras vítimas que sofrem ou já sofreram qualquer tipo de abuso, incentivando-as a buscar ajuda, denunciar e superar todo o sofrimento vivido.

“Hoje me sinto ótima e leve! Eu superei. Eu quis superar! Eu abri os meus olhos de uma vez. E sim, tomei a coragem que faltava e dei queixa na delegacia da mulher. Seja forte menina! Se você passa por algo parecido, não tenha medo! Erga a sua cabeça e não esqueça da mulher maravilhosa que é!”. Nane encerra seu comentário, testemunhando sua superação e incentivando as demais meninas a tomarem uma atitude e não permitirem tamanha covardia contra elas mesmas, como aconteceu com ela.