Mundo

Cansada de receber críticas sobre a aparência da filha, mãe faz desabafo emocionante

Minha filha não tem um ‘lado bom’ que nós escolhemos para as fotos de família. Eu não retoco as fotos da minha filha para esconder o hemangioma. Todo o rosto dela é a minha doce Charlie e sua aparência não importa, disse Katie.

Katie Crenshaw e seu esposo, têm dois filhos, um menino, e uma menina chamada Charlie Crenshaw. A pequena menina tem apenas 6 meses de vida, e já sofre discriminações por conta de sua aparência.

PUBLICIDADE

A menina nasceu com um hemangioma capilar, isto é, um acumulo anormal de vasos sanguíneos na pele, que pode ocorrer em qualquer parte do corpo. No caso da pequena Charlie, esse acumulo é em seu rosto, porém, este diagnóstico, não representa maiores riscos à saúde da criança, que já recebe o devido tratamento, para que este hemangioma não venha aumentar. A maioria dos hemangiomas, desaparecem naturalmente até certa idade da criança.

A mãe da bebê, tem ouvido comentários desagradáveis e preconceituosos, desnecessários a respeito de sua filha, tais como ‘Pobre bebê’, ou ‘Estou rezando para que isto vá embora’, e pior ainda ‘Ao tirar fotos dela, vire-a para o seu ‘lado bom’. Ela fica tão mais bonita do lado sem mancha’. É claro, que esses tipos de comentários causam feridas na família, são muito insensíveis.

Cansada de ouvir esse tipo de críticas, Katie, decidiu escrever sobre o assunto em seu blog, e viralizou na internet. Confira o desabafo emocionante de Katie:

PUBLICIDADE

“Eu encorajo vocês para ao invés de rezar para que a marca da minha filha desapareça, rezem para que minha filha cresça e se torne uma garota confiante, que se ama, independentemente de sua aparência. Reze para que os constantes comentários e opiniões maldosos de amigos, familiares e estranhos não cheguem ao ouvido da minha filha quando ela estiver grande o suficiente para entender o que significam. Rezem para que ela seja uma pessoa forte quando estiver naquela idade em que as crianças sofrem bullying por qualquer motivo.

Eu encorajo vocês a olhar o passado. E se eu chegasse para você e perguntasse: “O que está errado com X coisa do seu bebê?” Ou “Eu vou rezar pelo seu filho para que (algo diferente que ele possui) vá embora”.

Basta considerar isto. Considere que você está se oferecendo para rezar pelo fim de uma característica única da minha filha.

Segure sua pena. Minha filha é uma bebê saudável e nós somos abençoados. Seu hemangioma é algo tão insignificante para quem ela é como ter sardas no braço. Você não precisa mencioná-lo e não precisa desejar que ele vá embora.

PUBLICIDADE

Minha filha não tem um ‘lado bom’ que nós escolhemos para as fotos de família. Eu não retoco as fotos da minha filha para esconder o hemangioma. Todo o rosto dela é a minha doce Charlie e sua aparência não importa”.