Famosos

Universidade confirma que mãe de Matteus também se declarou preta para ingressar em sistema de cotas

Caso esta sendo investigado em processo administrativo.

ANÚNCIOS

Na última quinta-feira (13/06), o nome do ex-BBB Matteus Amaral veio ao centro das atenções após uma denúncia de fraude em cotas raciais. A exposição aconteceu no twitter (X) e gerou uma onda de desdobramentos.

Já na sexta-feira, a situação se tornou ainda mais delicada quando o Instituto Federal Farroupilha (IFFAR) se manifestou confirmando a informação. Matteus foi alvo de denúncia ao Ministério Público e a própria IFFar abriu processo administrativo para apurar o caso.

Mas não foi apenas o ex-BBB que teve o nome exposto. Acontece que na quinta, na mesma denúncia contra Matteus, quem também acabou denunciada foi a mãe dele, Luciane Amaral. Assim como o filho, Luciane se declarou preta para ingressar ensino superior.

Em nota, a Instituição declarou o seguinte: “O nome Luciane da Silveira Amaral consta no mesmo edital, inscrito na mesma cota que o Matteus. É importante dizer que, para afirmarmos se houve fraude, é necessário o processo”.

ANÚNCIOS

A IFFar ainda explicou que nunca houve um caso como esse, em que a denúncia foi recebida após o fim do vínculo e que, por conta disso, a situação terá que ser analisada. Em casos onde o aluno ainda esta em vínculo, a autodeclaração pode ser anulada. Áudio polêmico vazado em vídeo

Ainda na quinta-feira, enquanto a web discutia as denúncias, Matteus publicou um vídeo no qual interagia com animal de estimação. Ao fundo do vídeo, era possível ouvir uma voz feminina afirmando que a polêmica não daria em nada.

“Já soube que isso aí não dá nada. É só esquecer, isso aí não vai dar nada. Se eu me declarei negra, eu sou negra”, disse a voz, atribuída a Luciane Amaral.

Sobre o Autor

Roberta R

Notícias diárias, cobrindo que acontece de mais interessante no Brasil e no mundo. Notícias curiosas, interessantes e cobertura dos famosos.