Notícias

Quem é a menina de 13 anos que ficou no meio do fogo cruzado e se tornou vítima de bala perdida

O caso está sob investigação.

ANÚNCIOS

Um vídeo gravado por um morador na noite desta última quinta-feira (13) e compartilhado nas redes sociais mostra o exato momento no qual Ana Beatriz Barcelos do Nascimento, de 13 anos, foi atingida por uma bala perdida quando andava por uma das ruas da Ilha do Governador, que fica no Rio de Janeiro.

Nas imagens é possível observar que alguns adultos são vistos em frente a uma casa, gritando para que uma outra criança entrasse, enquanto ao fundo é possível ouvir os tiros disparados durante um suposto confronto entre policiais militares e traficantes.

Ana Beatriz Barcelos, se tornou mais uma vítima de bala perdida, desta vez a troca de tiros se deu na comunidade do Pixunas. Segundo informações do Batalhão da Polícia Militar da Ilha, agentes de segurança estavam realizando diligências após receberem denúncias de extorsões de traficantes contra motoristas de aplicativo quando foram atacados.

Os policiais militares teriam reagido e durante o confronto, Ana Beatriz tentou correr para casa, mas acabou sendo atingida. Pessoas que fazem parte da família de Ana Beatriz, que pediram para que não tivessem os nomes revelados, contaram que Ana Beatriz é uma garota dedicada, religiosa e aplicada nos estudos.

ANÚNCIOS

A adolescente está cursando o oitavo ano em uma escola particular e ainda segundo os familiares a garota sonha em ser bailarina profissional.  Há cerda de dois anos, a adolescente participa de aulas de balé na ONG Voluntários Fazendo a Criança Sorrir para realizar esse desejo.

Ana Beatriz estava retornando da instituição por volta das 19h30 quando foi atingida nas costas, por uma bala perdida. As últimas notícias dão conta de que a adolescente teve um pulmão e o baço atingido e está em estado grave.

Sobre o Autor

Fabiana Batista Stos

Jornalista digital, com mais de 10 anos de experiência em criação de conteúdo dos mais diversos assuntos. Amo escrever e me dedico ao meu trabalho com muito carinho e determinação.