Notícias

Hulk é humilhado por dirigente do Flamengo pelo mesmo blá-blá-blá de sempre’: ‘Não jogou nada’

Como de costume, o jogador do Atlético-MG ficou na bronca com a arbitragem após a partida contra o Flamengo pelo Campeonato Brasileiro.

ANÚNCIOS

Pegou fogo o confronto entre Flamengo e Atlético Mineiro no último fim de semana. Mesmo jogando com os reservas, o Rubro-Negro não encontrou grandes dificuldades e derrotou o time de Minas Gerais pelo placar mínimo. Os titulares, por sua vez, foram preservados para o jogo de volta das finais da Copa do Brasil, que acontece no mesmo Estádio do Maracanã nesta quarta-feira (19).

Como de costume, o jogo foi marcado por inúmeras reclamações por parte dos atleticanos contra a arbitragem. O atacante Hulk, contumaz nas críticas, falou sobre um suposto pênalti a favor do Atlético Mineiro e que teria sido ignorado.

Por meio de seus perfis nas redes sociais, o vice-presidente Geral e Jurídico do Flamengo, Rodrigo Dunshee, falou sobre as reclamações de Hulk. O mandatário reiterou a velha prática do atacante atleticano em criticar a arbitragem brasileira, não dando crédito para as falas do jogador adversário.

“Hulk sendo Hulk, o mesmo blá-blá-blá de sempre. Não jogou nada e aí tapar o sol com a peneira é a última cartada”, escreveu o dirigente nas redes sociais.

ANÚNCIOS

O atacante foi bastante hostilizado pelos torcedores do Flamengo durante toda a partida. No momento da substituição, Hulk precisou lidar com as vaias vindas das arquibancadas do Maracanã. Em entrevista depois do apito final, o jogador aproveitou a oportunidade na tentativa de se autopromover. “Podem me xingar, podem tentar me tirar o foco. Mas, modéstia à parte, eles fazem isso porque eu sou o Hulk. É situação de jogo”, disse o atleta.

Sobre o Autor

Henrique Furtado

Torcedor apaixonado pelo Mais Querido, ligado em tudo que acontece no dia a dia do Mengão. Por este redator você saberá, em primeira mão, as últimas notícias dos bastidores do Flamengo.