Famosos

Ex-apresentadora da Record faz grave denúncia contra a emissora, desiste da carreira e pede por indenização milionária; detalhes

A ex-apresentadora da Record fez uma grave denúncia contra o canal e está pedindo por uma indenização milionária. Mais detalhes foram expostos diante do ocorrido.

ANÚNCIOS

Segundo informações fornecidas por canais de comunicação, a ex-apresentadora da Record News, Daiane Bombarda, está fazendo uma grave denúncia contra a emissora. E com isso, ela está pedindo por uma indenização milionária, no valor de 1,1 milhão.

Daiane está denunciando a Record por assédio moral. Ela teria sido contratada em meados de 2015 e chegou a comandar vários programas dentro do canal. Em 2019, ela saiu de licença-maternidade, devido a uma gravidez.

E após essa situação, a jornalista afirma que sofreu assédio moral por conta de seu ganho de peso. De acordo com ela, a emissora exigia roupas maiores e que ela mandasse fotos de sua vestimenta antes de entrar no estúdio. Daiane chegou a dizer que seu principal assediador foi Moisés Lucena, gerente geral da Record News.

ANÚNCIOS

Para conseguir atender às exigências do canal, a jornalista conta que tomou medicamentos para emagrecer e que até mesmo se submeteu a uma cirurgia para retirar gordura da região de suas orelhas. Mas, isso não teria sido o suficiente e as reclamações permaneceram.

Em 2020, ela sofreu um mal-estar e não conseguiu apresentar o programa como de costume, o que resultou em um novo afastamento. Neste mesmo ano, ela decidiu processar a emissora, mas perdeu nas decisões de primeira e segunda, e agora, recorre em tribunais.

Por conta do que passou, Daiane abandonou a carreira na televisão. Atualmente, ela atua como assessora de imprensa e afirma que recusou oportunidades por causa do trauma que sofreu. A Record não respondeu as acusações, até o momento.

Sobre o Autor

Juliana Gomes

Colunista de notícias dedicada a escrever sobre os mais diversos assuntos. Sempre fui apaixonada pela arte da escrita e pela literatura.