Famosos

Anitta revela depressão e choca em entrevista nessa segunda 12 de novembro

Anitta explicou que houve uma pausa nas gravações por conta de uma depressão, que durou de três a quatro meses.

A cantora Anitta, rainha do funk, reuniu a imprensa, no Hotel Four Seasons em SP, para contar todos os detalhes de Vai Anitta, incluindo a edição, os fãs, a depressão e até o ex-marido Thiago. Ela surpreendeu jornalistas nesta manhã de segunda-feira dia 12 de novembro, a estrela contou que enfrentou depressão. A fase foi tão difícil que fez com que ela interrompesse as gravações. “Tive uma crise de depressão muito grande. Não conseguia gravar [série]… Fiquei sem conseguir assimilar”, contou Anitta. A estrela ainda citou sobre a participação do ex-marido, Thiago Magalhães, na produção. E disse que no início, ele não queria aparecer, mas que em seguida aceitou. “Ficou como ficou. Deixei como realmente estava”, pontuou afirmando que não o vetou.

PUBLICIDADE

Sobre a depressão declarou: “Todo mundo parou, ficou me esperando para que a gente pudesse continuar. Eu tive uma crise de depressão muito grande e vai estar contando isso também na série. Foi um momento em que eu não conseguia gravar, não conseguia ter câmera por perto, não conseguia fazer nada“.

A gente aborda isso um pouco superficial. Na época eu não consegui filmar, eu não queria ter gente perto de mim o tempo inteiro. Então, a gente fala disso, que as pessoas têm uma expectativa de que porque somos famosos, a gente precisa estar sempre feliz. E fala o que aconteceu para eu voltar ao normal. Eu explico o motivo para eu ter ficado assim, não é muito aprofundado, mas eu explico um pouco do motivo, desde antes até essa recaída“. concluiu.

Vai Anitta é uma produção da Shots Studios e acompanha os bastidores da estrela do pop brasileiro, sua rotina, intimidade e avanços na carreira internacional. Na série documental de 6  episódios, que estreia dia 16 de novembro na Netflix, as câmeras terão acesso irrestrito e sem censura aos bastidores da agitada rotina da artista: dos shows no Brasil às viagens pelo mundo, passando pela interação com os fãs nas redes sociais e sua vida pessoal. “Vão me ver chorando, com raiva, apaixonada… com tipos difíceis”.

PUBLICIDADE

Ela mencionou que o atraso no lançamento de “Vai, Anitta” fez com que o empresário apareça no primeiro episódio. A cantora contou que não tentou ser outra pessoa durante as filmagens. “Sou completamente desapegada de tudo. Dei miniesporros e eles vão estar lá. Eu chorei, filma. Estabeleci limite zero. Agora que tô solteira e fiquei vendo bastante, fiquei pensando: pq não fiz o cabelo? Não me arrumei mais? Mas não ligo pra isso não”, declarou. “Tô muito esperançosa pra segunda temporada”, continuou a artista

Anitta deu uma canja sobre o conteúdo do documentário, que estreia no próximo dia 16. “Tive muitos exemplos do que não queria. Porque queria muito que fosse um meio termo entre reality e doc, um meio termo entre o divertido e o sério. E nós brasileiros somos um pouco diferentes na maneira de contar a história. Por exemplo, quando conto as coisas da minha vida, ou quando tenho a minha mãe e o meu pai falando, a gente fala coisas muito pessoais, coisas que quando a gente vê internacionalmente, as pessoas não abrem tanto. A gente fala de fezes (risos), a gente fala de tudo um pouco. Vai do íntimo ao mais sério e queria muito que fosse um meio termo. Não queria que fosse uma coisa muito para o trabalho e também nem muito para a vida pessoal, queria que fosse um pouquinho de cada coisa, tem um saborzinho de cada coisa, mas a gente fez muito essa série pensando em me apresentar”, contou.

Na tarde de domingo dia 11 de novembro, ela fez um mimo, levando seu pai para um evento de Formula 1 no autódromo de Interlagos, para conhecer Lewis Hamilton, o piloto que o pai é super fã.

 

PUBLICIDADE