Famosos

Ludmilla explica falha ao cantar Hino Nacional no GP de São Paulo

A cantora se explicou sobre o ocorrido.

ANÚNCIOS

Você sabe cantar o Hino Nacional todinho sem errar? Em algumas escolas brasileiras, cantar o Hino Nacional faz parte da rotina escolar dos alunos antes de iniciarem as atividades.

Algumas pessoas conhecem o Hino palavra por palavra sem errar, outras incrementaram algumas palavras para preencher e tem quem simplesmente não conseguiu gravar.

Esse assunto virou tema de debate dos internautas após a cantora Ludmilla, ao lado do instrumentista Miguel Vicente no cavaquinho, se apresentarem para cantar o Hino Nacional na abertura do Grande Prêmio de São Paulo de Fórmula 1.

A cantora recebeu uma série de comentários negativos com relação a sua apresentação por aparentemente ter de esquecido de uma parte inicial do Hino.

ANÚNCIOS

Gente, foi emocionante. Foi muito f***, só teve uma falha no som no início. Mas a gente tirou de letra, foi top. Obrigada a todo mundo que torceu, foi muito lindo, foi incrível“, rebateu a cantora.

A cantora iniciou o Hino que o som só teve alcance na frase “Ouviram do Ipiranga as margens plácidas”. O retorno da voz da cantora foi na frase “conseguimos conquistar com braço forte”. Algumas pessoas chegaram a achar que ela estaria a espera da voz do público para completar a frase.

No meio dos ataques, chegaram também a ser levantadas questões políticas que alegaram que, por Ludmilla ter votado no atual presidente, alguns apoiadores do governo anterior associaram isso a falta de respeito a símbolos nacionais.

Sobre o Autor

Paula Silva

Escritora, mundo dos famosos com notícias atualizas, notícias de atualidades sobre dia dia e atualizações úteis para para aprender