Curiosidades

Lembra da menina de 11 anos que ficou grávida do irmão de 16 anos; você ficará perplexo ao ver como ela está hoje

O caso viralizou e ganhou notoriedade em todo o mundo.

Este caso viralizou e ganhou notoriedade em todo o mundo, uma menina de 12 anos deu à luz a um bebê, após ser abusada pelo próprio irmão que na ocasião tinha 16 anos.

PUBLICIDADE

A história foi amplamente divulgada pela mídia, o caso aconteceu na Inglaterra e teve uma cobertura incessante dos tabloides.

No ano de 2006, Tressa Middleton teve sua filha sem revelar para ninguém quem era o pai da bebê. Durante a gestação ela foi acompanhada por uma equipe médica, e depois da menina nascer ela recebeu ajuda da mãe. Veja sua foto recente seguir.

Tressa Middleton amava sua filha incondicionalmente, até que em 2008, ela revelou que havia sido estuprada pelo irmão e que a menina era fruto deste acontecimento.

PUBLICIDADE

A menina estava com dois anos quando ela perdeu a guarda da filha, que foi enviada para adoção, e acabou sendo acolhida por uma família. Tressa nunca mais a viu.

“Meu coração ficou partido quando tiraram minha filha de mim. Até hoje eu durmo com o ursinho dela. Eu nunca deixei de amar minha filha. Ela ainda é a primeira coisa em que eu penso de manhã e a última em que penso antes de dormir,” declarou Tressa.

Continua…

PUBLICIDADE

Hoje, aos 28 anos, Tressa Middleton continua marcada por seu passado sofrível, mas vem tentando superar da melhor maneira possível as terríveis experiências da sua adolescência.

Tressa é noiva de Darren Young, com quem tem uma filha que nasceu em 2017. Ela afirmou que o nascimento da segunda filha a fez voltar a ser feliz.

Contudo, Tressa afirmou que não deixa de se sentir culpada por saber que Arihanna nunca terá a chance de conviver com a irmã mais velha.

Entretanto, Tressa disse que ainda nutre a esperança de um dia reencontrar a filha.

PUBLICIDADE

Sobre o Autor

Fabiana Batista Stos

Jornalista digital, com mais de 10 anos de experiência em criação de conteúdo informativo e imparcial. Somente a imprensa livre tem o poder de defender os interesses e a liberdade do cidadão.