Notícias

Feminicídio: Empresário tira a vida de sua esposa na frente da filha de 7 anos no RJ

O empresário tirou a vida de sua mulher na frente de sua filha.

Na região norte do Rio de Janeiro, em Grajaú, um empresário de 48 anos tirou a vida de sua esposa, uma fisioterapeuta de 36 anos, após dar sete facadas nela. Todo o crime ocorreu em frente a filha do casal, uma menina de apenas 7 anos de idade.

PUBLICIDADE

Segundo as autoridades, Bruno Nunes Magalhães teria golpeado Natália Ribeiro Valentim neste último domingo, dia 13 de novembro. O crime ocorreu em um apartamento que o casal havia morado junto. Ele chegou a confessar os seus atos e foi preso por homicídio.

Bruno e Natália estavam passando por um divórcio e já não moravam mais no mesmo local. No sábado, Bruno teria ligado para a fisioterapeuta, alegando que a filha dos dois estava passando mal e pedindo para ela ir até o local. Diante disso, assim que entrou na residência, a vítima foi fatalmente golpeada, não conseguindo resistir e falecendo.

“O crime se deu de maneira muito cruel. O corpo da vítima estava no chão próximo a porta de entrada e apresentava lesões de defesa, como cortes no antebraço, e facadas também no pescoço”, contou o delegado responsável pela ocorrência, Mário Andrade.

PUBLICIDADE

Ainda foi dito que a mulher estaria usando drogas e teria se recusado a levar a filha para uma consulta médica, o que teria gerado toda a briga que resultou na morte de Natália.

Até o momento, nenhuma destas informações que foram ditas por Bruno Nunes chegaram a ser confirmadas pelas autoridades.

Via: extra.globo.com