Famosos

Com atraso de trio e vaias, Ivete Sangalo da corte seco em repórter e sofre críticas: ‘não é manejar’ – Video

Cantora tentava acalmar animos dos foliões em meio a atraso.

ANÚNCIOS

O bloco de Ivete Sangalo, um dos mais tradicionais do Carnaval de Salvador, sofreu uma série de complicações. A cantora comandou o Bloco Coruja, que parte de Barra à Olinda (circuito Dodô).

Por conta de problemas, o bloco da cantora se atrasou por cerca de 3 horas. Segundo testemunhas, outro trio quebrou e um chegou a dar ré no trajeto, o que prejudica toda a logística do circuito – que é detalhadamente planejado.

Com o atraso, o público começou a dar sinais de impaciência. A cantora chegou a ser vaiada e precisou conversar com os fãs, para tentar acalmar os ânimos e retomar a apresentação, que é sempre muito animada.

“Boa noite, minha gente! Deixa eu falar uma coisa a vocês. Primeiro, boa noite. Estou aqui prontíssima desde 16h30 para vocês. Aliás, eu estou pronta para vocês desde sempre. É exatamente por isso, pelo respeito, que eu estou aqui”, disparou.

ANÚNCIOS

A cantora continuou uma negociação com os fãs, até que foi abordada por uma repórter da Globonews. O que viralizou nas redes sociais foi o começo da conversa, quando a repórter usou a expressão “manejo”.

A repórter perguntou se estava difícil o “manejo” do público, ao que Ivete respondeu diretamente: “Não, não é manejar não. É gente com gente“, disparou. Ivete, visivelmente estressada, continuou afirmando que entendia a frustração do público.

A situação deixou muita gente surpresa, mas logo foi esclarecido: manejar é um verbo usado no trato de animais, embora também possa ser usado com referência ao ser humano.

ANÚNCIOS

Nas redes sociais, muita gente tentou ver o lado da cantora destacando que Ivete estava estressada e sob pressão no momento em que foi abordada pela repórter.

Sobre o Autor

Roberta R

Notícias diárias, cobrindo que acontece de mais interessante no Brasil e no mundo. Notícias curiosas, interessantes e cobertura dos famosos.