Notícias

Atrizes da Globo vivem a pior dor do mundo e tentam se curar das feridas

Todo dia você começa com a sua dor. Tem dia que ela está menor, tem dia que ela está mais forte, comenta uma das atrizes

Em entrevista Christiane Torloni fala de uma dor incurável e que não deseja a ninguém. Chistiane é uma das excelentes atrizes da Rede Globo, está no ar em O Tempo Não Para, interpretando Carmem e, recentemente, concedeu uma entrevista para a jornalista Marina Caruso, do jornal O Globo, onde fez declarações profundas e pesarosas sobre  seu passado. A atriz foi casada com o ator e diretor Denis Carvalho e desse casamento nasceram  Leonardo e Guilherme, gêmeos.

PUBLICIDADE

Christiane nunca mais foi a mesma e sofre até os dias de hoje, ao lembrar e grande tragédia que viveu. Há alguns anos atrás, fatalmente ela se envolveu em um acidente na garagem do condomínio onde morava. Ela estava no carro com os filhos, e por conta de uma manobra mal executada o veículo caiu da garagem que estava em uma altura de quase 6 metros. Por conta desse acidente seu filho Guilherme foi a óbito, isso ocorreu em 1991,

A atriz comentou sobre essa fatalidade: “Não existe superação. Nada fica igual como antes. Mas o dia a dia vai reconstruindo as pessoas. E a Globo sempre foi solidária. Fui trabalhar na emissora com 18 para 19 anos. Todo dia você começa com a sua dor. Tem dia que ela está menor, tem dia que ela está mais forte”.

PUBLICIDADE

Outra atriz renomada, que vive dor intensa e semelhante de perder um filho tragicamente é a apresentadora Cissa Guimarães, do programa É De Casa, que vai ao ar nas manhãs de sábado na Rede Globo. “Isso tudo faz muito mal pra mim. Você pode sobreviver a uma guerra, o que não quer dizer que venceu. Apesar dos atos de heroísmo e de superação, há mortes e dores. Como alguém que tem o seu fígado desfeito, eu não tinha certeza se ia conseguir que meu coração voltasse a bater direito. É feito o tsunami que há uns anos mexeu com o eixo da Terra. Minha Terra mudou de eixo. Meu tempo mudou. Tenho que tomar cuidado comigo”, comentou Cissa.

Rafael Mascarenhas, filho de Cissa, estava andando de skate por um túnel do RJ quando foi atropelado e acabou indo a óbito, no ano de 2010. Cissa não esconde sua tristeza ao relembrar e falar da morte do rapaz, que aconteceu no ano de 2010. Até hoje a apresentadora não superou essa dor.

PUBLICIDADE