Curiosidades

Adotou um cãozinho? 5 dicas para melhorar a relação com seu filhotinho

5 dias para tornar a convivência mais fácil.

ANÚNCIOS

Adicionar um cãozinho à estrutura familiar é uma decisão que deve ser tomada com muita responsabilidade, embora muitas pessoas acreditem que não. Especialmente no começo da vida do animal, é importante saber como educa-lo para não colher frutos de mal comportamento mais tarde.

Pensando nisso, algumas dicas podem te ajudar:

1. Socialize seu cãozinho

Um grande erro de muitas famílias é não saber a importância da socialização na vida do animal. Deixar o cachorro, desde a infância, isolado em alguma área da casa, seja interna ou externa, vai gerar problemas. Quando mais velho, seu cãozinho não vai saber interagir com pessoas ou outros animais, podendo se tornar ansioso, agressivo, agitado, carente, medroso, etc.

2. Ensine o que pode e o que não pode

Cães são animais muito inteligentes e funcionam bem com regras claras. Um dos erros de muitas famílias é não ter regras claras sobre o convívio. Quando os moradores da casa divergem em relação as regras, o animal não vai conseguir entender o que deve ou não fazer. Ter regras claras e ensinar seu cãozinho sobre elas vai poupar muito estresse.

ANÚNCIOS

3. Tenha uma rotina

Muitas famílias pensam que um filhote é novo demais para qualquer atividade, ou apenas não fazem ideia da importância delas. No entanto, estabelecer uma rotina com seu cãozinho desde a infância é fundamental para que ele entenda rapidamente o funcionamento da casa. Cães gostam de rotinas, de exercício, e tudo isso deve ser introduzido desde os primeiros meses.

4. Eduque pelo reforço positivo, não pela correção violenta

Muitas pessoas acham que gritando “não” ou dando tapas no cachorro vão conseguir educa-los; é um erro. A correção agressiva, ou violenta, pode desencadear um comportamento medroso, inseguro e até violento no cão. O melhor a fazer é o reforço positivo. Ajude seu cão a acertar, com regras claras e atenção, e elogie seu bom desempenho.

5. Ensine comandos básicos

A inteligência dos cães pode surpreender desde os primeiros meses de vida. Ensinar comandos básicos (como: junto, senta, deita, fica, ao lado, casinha, entra, fora) é muito importante e vai facilitar a convivência, especialmente conforme o cãozinho for crescendo.

Sobre o Autor

Roberta R

Notícias diárias, cobrindo que acontece de mais interessante no Brasil e no mundo. Notícias curiosas, interessantes e cobertura dos famosos.